quarta-feira, 13 de abril de 2016

Strudel de Maçãs Encantadas





E o tempo, que já não está mais parado por aqui, corre, mas com um certo ar de tranquilidade. Alguns dias mais acelerados, outros mais preguiçosos.

O calor por aqui parece estar com os hormônios em idade adolescente, daqueles bem dinâmicos sabem? Permanece formoso, passando dos 33º em pleno outono, mas um tanto inconveniente, sem se dar conta que não é tão querido assim para tanta gente, como já foi. Não consegue desapegar do ano de 2016, parece não entender que tem retorno marcado só para o final de dezembro. Faz-me pensar que não conhece mais a palavra despedida. Arrivederci veranico!

Mudando agora o assunto, março foi o aniversário da minha única neta Mariana. Fez dois anos. Tenho um único filho, Bruno e a mamãe é a Juliana, a minha norinha.


Quando nasceu, Mariana encantava e ainda encanta: 


Ela é muitíssimo alegre. Mas uma alegria super simpática. Acorda e vai dormir rindo. Como toda criança, está sempre cheia de energia e é muito brincalhona. A risada e o olhar parecem dizer mais. 


No aniversário de 2016, já com dois anos: 


A criança muda o padrão de uma pessoa, por conta da pureza, da inocência. Até o perfume natural da criança é algo delicioso. Os olhos de uma criança parecem duas joias, são brilhantes e viçosos. 


E pensando em crianças, em pureza e alegria, eu fui parar nos contos de fadas, nas fábulas que a minha nonna me contava, nas longas noites de inverno, pois éramos obrigados a ficar dentro de casa ou nas tardes chuvosas, sempre acompanhadas de deliciosos Bolinhos de Chuva com Maçã.

A maçã é uma fruta encantada, só pode ser. Lúcifer, no Jardim do Éden, já conhecia os encantos do seu perfume e sabor e terminou por fazer Eva muito mal compreendida pela humanidade. Branca de Neve não pode resistir, mesmo ganhando a maçã de uma bruxa não tão bem representada na sua fábula.

Minha mãe deixava que eu lustrasse, com uma flanela, as maçãs na fruteira que enfeitava a mesa da cozinha, ficavam tão brilhantes como encantadas por magia. Mas a magia era exalada pelo perfume e pelas nuances das cores da casca da maçã, as cores do outono. 








Do livro 'A maçã e outros sabores', de Rubem Alves. 

Ser avó é como comer uma maçã, com todas as memórias revigoradas de ser criança, jovem, adulta, mãe e velha, mas com um jeito diferente de olhar o mundo. Um olhar mais encantado, menos preocupado, mais livre e muito apaixonado. 
   

Vamos ao Strudel de Maçãs Encantadas? A receita é Trentina, isto é, do Trento, uma província da região de Trentino-Alto Ádige, norte da Itália, divisa com a Áustria, também conhecida por Tirol.


Há várias versões sobre a história do strudel. Uma delas conta que sua origem é turca, por uma sobremesa de maçãs similar ao strudel, com o nome de baklava. Quando a Turquia dominou a Hungria, a deliciosa sobremesa de maçãs sofreu mudanças pelos húngaros, transformando-se no strudel que hoje conhecemos. Mas fez forte história na Áustria, por isso que, muitos acreditam que o strudel tem origem austríaca. A palavra strudel parece significar enrolado, redemoinho e é de origem alemã, língua oficial da Áustria.

No norte da Itália, o strudel também tem significativa história, como eu já mencionei acima, nos perfumados pomares de macieiras do Trentino-Alto Ádige. Na época em que a Áustria dominou, por algum tempo, o norte da Itália, trouxe além dos domínios, o strudel de maçã. E a Itália, não por menos, tem seus segredos para esta delícia.


1 mão-cheia de uvas-passas, podem ser claras ou escuras ou um mix delas. As claras tem um sabor cítrico delicioso, combinam muito bem com a massa do strudel, que leva azeite e manteiga. Assim, o sabor cítrico refresca a boca, limpando a gordura da massa. No caso de um paladar que não aprecie sabores cítricos, use a uva-passa escura ou um mix: uvas-passas escuras e claras misturadas em quantidades a gosto.

Rum - coloque as uvas-passas em uma taça, cubra com rum e deixe descansando. Além de serem hidratadas pelo rum, ganharão um sabor delicioso.

Os itens acima são parte do recheio, mantenha a taça reservada e prossiga com a massa do strudel. Caso não tenha rum disponível, use água filtrada morna.

Para a massa do strudel:
125 gramas de farinha peneirada,
1 ovo ligeiramente batido,
25/30 ml de água morna,
1 colher de sopa de azeite de oliva e
1 pitada de sal.

Em uma vasilha junte a farinha, o sal, o azeite, a água e o ovo. Misture com as mãos, até formar uma massa elástica e não muito dura. Se necessário, junte farinha aos poucos. Despeje a massa em uma bancada e sove rapidamente, formando uma bola.

Deite um pouco de azeite na bancada, unte a massa, sove até absorver todo o azeite e desprender das mãos.

Unte uma vasilha com azeite, coloque a bola de massa, cubra e deixe descansando por aproximadamente meia hora, em local fresco.


Para o recheio do strudel:
750 gramas de maçãs - usei a fuji, 
60 gramas de açúcar,
1 colher de chá rasa de canela em pó,
25 gramas de pinoli ou amêndoas ou nozes, também pode ser um mix destas sementes,
raspas e suco de 1 limão siciliano,
100g de manteiga sem sal - evitar a margarina por conta do sabor - e
75 g de farinha de rosca - melhor uma farinha menos refinada.

Em uma frigideira, derreta 50 gramas de manteiga e doure a farinha de rosca, mexendo com uma colher de pau sem parar, para não queimar. Desligue o fogo, reserve para esfriar.

Descasque as maçãs, corte ao meio, retire o centro: sementes e partes duras. Corte as metades ao meio e fatie finamente em uma mandolina. Caso não tenha uma mandolina, corte em pequenos cubos. Conforme for cortando, coloque em uma vasilha com o suco de limão, misturando sempre.

Pré-aqueça o forno a 200º.

Escorra as uvas-passas e aperte para eliminar o líquido em que foram marinadas. O rum não será utilizado.

Na vasilha com as maçãs fatiadas, junte as uvas-passas, o açúcar, a canela, as raspas de limão siciliano e as sementes (nozes, amêndoas, pinoli). Misture tudo e deixe macerando.

Pegue uma pequena frigideira e derreta, em fogo baixo, a manteiga restante. Reserve.

Cubra a base de trabalho com uma folha de papel vegetal ou pano de prato. Usei duas folhas de papel vegetal, coladas internamente com durex dobrado. Enfarinhe a folha de papel vegetal ou pano de prato e abra finamente a massa, com um rolo. Eu abri um retângulo de aproximadamente 45/35 cm. Pincele a massa com a manteiga derretida, exceto as bordas. Não use toda a manteiga, um pouco servirá para pincelar o strudel pronto, antes de ir para o forno.

Espalhe sobre a massa a farinha de rosca dourada na manteiga, que servirá para absorver todo o suco das maçãs, liberado durante o tempo em que estiver no forno. Distribua as maçãs misturadas com os outros ingredientes e despreze o líquido que foi liberado na maceração.

Enrole o strudel recheado com a ajuda do papel vegetal ou pano de prato, é bem fácil, tomando cuidado para não romper a massa, que é fina. Comece a enrolar pelo lado do mais longo. Terminada esta operação, feche bem as laterais para que o recheio não escorra.

Vejam como a massa é fina, quase transparente:


Cubra o fundo de uma forma que caiba o strudel com papel vegetal, unte ligeiramente com um pouco de manteiga e com a ajuda do papel vegetal em que foi aberta a massa, coloque o strudel na forma. Pincele todo o rolo com a manteiga derretida e leve ao forno, mantendo a temperatura de 200ª, por aproximadamente 40 minutos.

Foi para o forno assim:


Quando estiver pronto, polvilhe açúcar de confeiteiro e se gosta, sirva morno. Eu confesso que aprecio imensamente o strudel morno. Acho um perfeito acompanhamento para o café nas tardes de outono, aquece e conforta o corpo, além de exalar um perfume delicioso. É usual servir uma fatia morna de strudel com um pouco de chantilly, não me apetece.

Clique aqui 'http://ricette.giallozafferano.it/Strudel-di-mele.html' para ver um vídeo, o que vai ajudar muito na elaboração desta receita, mesmo sendo no idioma italiano. Não deixe de observar como o strudel é transportado para a foma onde será assado.

O strudel também pode ser feito com massa filo ou phyllo (do grego: folha) ou com massa folhada, de boa qualidade, compradas. Com massa filo é um espetáculo, além de ser uma ótima opção para quem gosta de praticidade. Também podem ser usadas, no recheio, outras frutas como por exemplo pera, cerejas, damasco ou figo secos.

Na Itália, é muito comum strudel salgado, com várias opções de recheio, como por exemplo, mozzarella e presunto de Parma ou com escarola refogada no azeite com alho, aliche, alcaparras e azeitonas negras. São muitas opções deliciosas. Ciao amici!






48 comentários:

  1. QUE COISA MAIS MARAVILHOSA ESSE POST!
    Adorei e adoro o strudel, uma delícia de babar, comer ajoelhada...

    O texto de Rubens, maravilhoso!


    Mas tua família, filho, nora e ver Mariana foi lindo! Parabéns que doce menina! Tão bom momentos assim,não? Felicidades! bjs, tuuuuuuuuuuuuuuuuuudo de bom,chica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Chica meu amor, um prazer imenso ter você aqui, vem cá, bem pertinho e vamos comer uma fatia de strudel com um cafezinho.

      A Mariana me encanta 24 horas pelo tempo infinito Chica; sim, bons momentos com a família e gostamos de registrar. Um beijo!

      Excluir
  2. Boa tarde, a Mariana é lindissima, parabéns aos pais e para a avó orgulhosa, obrigado pela partilha da receita.
    AG

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Um beijinho Antonio, obrigado pela visita e uma boa noite.

      Excluir
  3. Eu tive uma Avó
    assim de imenso e requintado ser...Ana Beites.

    Beijinhos de aqui dos Calhaus frios da Serra
    nuns Parabéns à Avó mais Bonita da Blogosfera
    e nesse savoir fair de baleza...

    ~_``````Conheço todo o Tirol

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. João, olá! Fiques sabendo que eu gostaria muito de ter conhecido a senhora Ana Beites. Ana é um nome lindo, forte!

      Quisera eu tempos frios aqui! Adoro o frio, o inverno e o outono. Não me sinto bem no tempo de calor exagerado. E você me deixou envaidecida João, e te digo mais, belezas são o que de melhor há na vida. Temos que contemplar, registrar e filmar, como você sabe fazer muito bem, com seus vídeos muitíssimos belos e cheios de arte, belezas. Um beijinho do outro lado do Atlântico, um tanto calorento.

      Excluir
  4. Uma grande e feliz noite

    e à Paz das guerras preocupantes que....

    Feliz fim de semana Glória
    xoxo de aqui...^_```^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Igualmente João, um feliz e sereno fim de semana e que a Paz envolva o nosso planeta, tens razão. Um beijo.

      Excluir
  5. minha querida,

    já passou da meia-noite, aqui, mas, e qdo me preparava para encerrar meu PC, li tuas maravilhosas palavras, lá no blog.

    evidentemente, que minha curiosidade foi mto maior que eu, suponho k ela tenha de altura uns quatro metros, é gigantona, portanto, e assim, me trouxe até cá e para me seduzir, me deu maçãs mágicas, mas reais, k fui degustando, sem pensar, nem hesitar.

    tenho tanto pra falar sobre teu post, k o tenho de fazer, faseadamente, pke só amanhã e se os tecidos estiverem capazes, os pontos vão ser retirados da minha mão dta. não posso abusar da mão esquerda, pke o problema, e devido ao esforço pode se passar para o outro lado. VIRGEM SANTÍSSIMA!

    Tua única neta Mariana é mimosa, bonita, vistosa e mto coquette já. a acho parecida com teu filho, que é todo homem, com poder, um certo olhar fascinante, feições lavadas, abertas e mto correta, mas sua filha e como é menina, tem ainda mais encanto e doçura k seu papai. tua nora tem um ar mto feliz e sorridente e me parece k seus antepassados talvez sejam chineses-japoneses, não sei. depois, e se pretenderes, me dirás.
    Ninguém te vai colocar uma questão dessas, a não ser eu mesma, mas creio k tu já me entendes e conheces.

    adoro as fotos de Mariana, em k ela está vestida de azul, mais novinha, parecendo um anjo e aquela em k está de toca e cachecol vermelho. SO BEAUTIFUL!

    qto a sua vovó paterna, tu, glorinha, bem, tu és uma verdadeira senhora, uma Prima Donna, elegante, distinta e com imenso charme. tens aspeto de uma intelectual, k sabe distintamente cozinhar, enqto escuta Chopin e le, c acento, Drummond, no silencio do seu mundo repleto ou entre amigos, como uma professora em aula, dissertando sobre a beleza e necessidade do outono.

    beijos e abraços com todo o carinho. espero voltar, se Deus quiser.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite minha querida amiga Céu, que prazer ler seu comentário. Pensava muito em você por estes dias e fico feliz de saber que estas bem e recuperando satisfatoriamente.

      Gostei que degustou o seu pedaço de strudel de maçãs, ele estava bem guardado para você e eu sabia que o encontraria com facilidade; a magia e encanto das maçãs facilitou o seu caminhar até aqui.

      A Mariana é mesmo uma ternura, tão simpática e meu filho um papai muito atencioso e cuidadoso com a pequena. Um orgulho mesmo! A minha norinha, também igualmente cuidadosa com a filha, e com muito capricho, tem os olhos e feições asiáticas, mas não é. E você não é a primeira pessoa que nota esta semelhança e fique tranquila, tens liberdade para muita conversa comigo, sem nenhum problema, querida Céu.

      A foto da Mariana de touca e cachecol vermelhos é mesmo uma graça, tenho ela em um porta-retrato, me encanta!

      Amei a tua descrição sobre a minha pessoa. Mas o dia em que me conheceres pessoalmente, verá que tenho um pouco do que descreves, pois gosto de cozinhar e ouvir Chopin e Mozart. Obrigado pelo Prima Donna, fiquei até envaidecida, mas tu és também uma Prima Donna, das letras nobres, tu sabes que és, com este teu olhar envolvente!

      Continuo a conversa agora no teu blog ...

      Excluir
    2. boa noite, querida amiga Maria Glória - diz-me, p favor, como gostas de ser tratada, k eu te trate, por que nome.

      creio k sabes k Céu é meu pseudónimo, e não meu verdadeiro nome, mas gosto do pseudónimo k escolhi, k até condiz com o título de meu blog.

      já estive contigo lá, e agora vim até tua casa, teu cantinho, para ler as tuas palavras, afinal, a nossa agradável troca de impressões, é quase sempre a noite. estamos mais disponíveis e o silencio, os nossos silêncios, engrandecem o nosso mundo e as nossas ideias.

      após reparação, teu PC está como novo, deduzo. que continue assim, para nosso contentamento.

      hoje, tirei os pontos da mão e estou um tanto dorida, mas o tempo tudo remedeia e cura.

      adoro maçãs, por vários motivos. as acho frugais, limpas, saborosas e elegantes para o corpo e para a alma. adorei este strudel, k posso comer, sempre k me apetecer.

      Mariana é uma menina linda e já tem porte. sua mamãe não é, nem tem antepassados asiáticos, como me disseste, satisfazendo a minha curiosidade. obrigada, querida...

      tu és mesmo como eu te descrevi. não tens um pouco, tens mto. estou me lembrando daquela foto em k tu estás com tua madrinha e voce está sensualíssima e arrebatadora, mas mto serena, LINDA.

      a propósito de falares dos meus olhos, vou contar-te o seguinte episódio. há uns 4-5 anos fui ao norte de África, visitar uma povoação perdida no meio do nada, onde está sempre neblina quente, mas sem queimar, nem incomodar, embora a temperatura lá ronde os 50 graus. já lá tinha estado antes, talvez há 7 anos, e comprei uns minerais e fósseis, k por lá pululam, depois de mto regateados e de um beijo na face do vendedor-comerciante, k é berbere, de olhos verdes, louro, alto e magro. portanto, a compra e o beijo aconteceram na minha 1 viagem lá e na 2 e como estavam a fazer filmagens na zona, perdemos mto tempo, pke a estrada estava bloqueada. fiquei desmotivada e queria voltar para trás, só k os meus amigos, não queriam. bem, estive 4h a espera de poder continuar percurso e qdo cheguei a tal povoação perdida no nada, decidi não sair do carro. birra. disse aos meus companheiros que fizessem os negócios k entendessem, fossem beber, comer, pke eu tinha tudo isso no carro. como fui vestida a árabe, vestido azul até aos pés, cabelos apanhados, brincos compridos e por brincadeira, coloquei um lenço tb árabe a tapar-me a cara, ficando apenas a verem-se os olhos. passados poucos minutos, sinto alguém bater no vidro da janela do carro, do meu lado. eu tinha as janelas fechadas e as portas trancadas. não liguei e nem olhei. continuaram a bater no vidro, levemente e insistentemente, e foi aí que eu olhei. do lado de fora, o tal berbere de olhos verdes, apontava para os meus olhos. continuei, aparentemente, indiferente, mas a insistência foi tanta e depois de o ver a orar a Alá, fiquei emocionada. abri o vidro da janela, olhei-o e disse-lhe - bonjour, monsieur, ça va... resposta dele - ce sont tes yeux, les memes yeux k je n' ai jamais oublié, car ils sont différents de tous les autres. prostrou-se de joelhos, como k em adoração e ali ficou me olhando. eu, apesar disso, não saí do carro e os meus amigos ficaram impressionados com a cena, k parecia pertencer a um filme.

      voltarei, se Deus quiser, no fim de semana para comentar mais um pouco do teu post.

      beijos, abraços e noites de sonhos das mil e uma noites.

      Excluir
    3. Olá Céu, boa noite! Podes me tratar por Glória ou Glorinha, normalmente é assim que me chamam. Maria Glória, sou assim chamada, geralmente pela família.


      Céu é um nome bem bonito e combina sim com o teu blog. Se um dia quiseres e quando for apropriado, conte-me o seu nome? Gostaria de saber.

      O PC não está a meu contento, talvez esta semana volte para reparo novamente. Vamos ver ... as vezes trava, nada acontece, me aborrece.

      Já tirastes os pontos? Deve doer um pouco sim, mas como sabes, o tempo passa e tudo se acerta. Sei que ficarás muito bem, sinto assim!

      A sua fatia de strudel é virtual, então nunca acaba, estará sempre aqui a te esperar para uma boa conversa.

      A foto que eu estou com a minha madrinha foi em 2007, faz nove anos. Estou um pouco mudada, em todos os sentidos, especialmente internamente. Gosto do passar dos anos, envelhecer pode ser limitante, mas tem seu lado libertador. Hoje tenho 52 anos. Eu sou uma pessoa muito calma Céu, é muito comum as pessoas estarem a meu lado e dizerem que sentem paz. Muitos dizem: nossa como você é calma ou que paz eu sinto perto de você. E foi sempre assim.

      Adorei a história que me contou quando esteve na África. Adoro ouvir histórias, talvez o que eu mais goste em uma conversa. Imagino a beleza que você estava vestida com aquela roupa azul e brincos, muito feminina. Certamente uma deusa! E tanto é, que o berbere ficou fascinado. Momentos que não se explicam, apenas acontecem para serem sentidos e não entendidos. E assim, construímos a nossa história.

      Um beijinho minha querida, adorei esta nossa conversa.

      Excluir
  6. Que família encantadora, a sua, Gloria!...
    E a netinha... é linda!!!! Hoje estou um pouquinho sem tempo, mas amanhã virei aqui, com mais disponibilidade, para apreciar este post de fazer derreter corações... :-D
    Um beijinho grande, Gloria! Até amanhã!
    Ana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ana boa noite, feliz que gostou do post, das fotos. Quando quiseres, venha degustar o teu pedaço de strudel de maçãs. Está muito bem guardado para você e como é virtual, está sempre disponível. Beijos e um ótimo final de semana.

      Excluir
  7. Nem sei por onde começar, mas como gosto tanto de crianças, adorei conhecer sua netinha linda...o sorriso, os olhos são um encanto, que orgulho deve ter a vovó com sua Mariana!

    Mais uma delícia culinária que aprecio,bem como os poemas e a linda paisagem do Tirol, que já tive a sorte de visitar.
    Tudo de bom para si.

    Beijinhos Glória

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Manu, boa noite!

      Agradeço a visita e assim, conheceu um pouquinho da minha família.

      O tirol não conheci quando estive na Itália, mas tenho imenso desejo de conhecer e, é claro, provar um vero strudel italiano.

      Um beijo querida e bom domingo.

      Excluir
  8. Olá Maria então ... que graça a Mariana parece ser uma menininha bem agradável;
    os olhinhos parecem duas gemas de pedra kkk achei lindo o vestidinho; me
    lembrou minha infância minha mãe costurava fazia belos vestidos para mim e irmãs.

    Viestes com algo que adoro que são maçãs; todo o dia como uma a noite antes de deitar;
    Nem sei pq nunca plantei maçãs; hoje já existem as de enxerto pés pequenos que dão mais
    rápido. Há muitos anos atrás comi um estrudel na serra em gramado kkk passei tão mal
    que nunca mais botei os olhos em um. Pelo menos sei o gosto, é bom mas agora
    aprecio só em imagens; Coisas que acontecem...

    Agradeço pela sua presente visita lá pela casa, e um bom final de semana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, parecem duas gemas, olhos de crianças são tão belos.

      Minha mãe também comia uma maçã toda a noite, ela gostava muito de maçãs.

      Pois é, como você falou muito bem, são coisas que acontecem, eu entendo perfeitamente, já tenho vivido experiências assim.

      Um bom domingo e um beijo querida.

      Excluir
  9. Bom e feliz fim de semana pra todos~_````````

    ResponderExcluir
  10. Bom dia! Passei para agradecer sua visita e encontro um post muito agradável e saboroso. Adorei a descrição de que ser vó é como uma maça.Eu tenho dois netos, um de seis anos e um de dois meses,acho ser vó uma delícia.
    Desejo um bom fim de semana.
    Sônia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite Sônia! Também é uma vovô, muito delicioso não é? Eu sou avó só da Mariana.
      Agraço a visita, um beijo e votos de um excelente domingo.

      Excluir
  11. Abençoado final de semana!!!!!!!!! Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite Gigi!
      Igualmente a você e todos os seus, um excelente domingo. Beijo.

      Excluir
  12. Maria
    Que post mais saboroso, onde a maçã e a netinha são as estrelas principais.
    sua família é linda e a netinha Mariana mais ainda!
    não tenho netos, então me delicio com as histórias e imagens das amigas.
    O sorriso, o vestidinho, o olhar sapeca, tudo me encanta !
    Sabe, Maria, adorei ler o texto do Rubens, das informações que nos trouxe lá de outros países onde a cultura do strudel é forte e saborosa.
    Conheci o strudel no sul, em Gramado. Fazia parte do café da manha, e me deliciei bastante.
    Nunca fiz. o Abrir a massa daquela forma bem fininha, deixou a dúvida se eu saberia abrir assim.
    Mas amei a receita e sua dica sobre o papel vegeta.
    . Não conheço o strudel salgado, mas o doce já é maravilhoso!
    Vou ficar aqui pensando no strudel e saboreando pelo pensamento!
    beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite Zizi!

      A Mariana é mesmo muito sapequinha e muito simpática.

      Não conheço Gramado, creio que deve ser muito linda a cidade pelas fotos que vejo.

      O strudel salgado é delicioso, já fiz e um dia postarei a receita aqui.

      Um bom domingo e beijinho.

      Excluir
  13. Desde já
    o Anfitrião cá do Sítio, é sempre disponível a uma passagem
    pelos Calhaus da Serra
    de muito pacata gente...e virtudes Académicas...~_*


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado João, desde já agradeço imensamente a gentileza. Gosto de gente pacata e gosto mais ainda de ouvir histórias. De contá-las também.
      Um bom domingo.

      Excluir
  14. Passando já um pouco fora de horas por estes lados, para lhe desejar um bom domingo, e deixar um beijinho, e agradecer a sua gentileza, constante, lá no meu cantinho, Gloria!... Ainda não foi hoje, que consegui passar por aqui, com tempo, para apreciar, este post maravilhoso, em todos os seus detalhes, conforme pretendo... espero conseguir fazê-lo amanhã, no final do dia...
    Beijinhos!
    Ana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ana boa noite! Fiques tranquila, domingo é dia apropriado para descanso. Aproveite o dia com os seus. Depois, em tempo devido, volte para continuarmos a nossa conversa, aqui tem sempre delícias e uma xícara de café ou chá, como quiseres.
      Um beijo e um bom domingo.

      Excluir
  15. olá, querida Glorinha...

    adorei a tua conversa com o senhor tempo, k teima em não te deixar até ao natal. a lei da natureza, tudo determina, e ele partira, suavemente, e sem k tu des por isso. diz pra não se esquecer de Portugal.

    estive lendo alg anteriores posts teus e reparei k teu filho fez aniversário dia 16 de Abril, portanto, sábado, ontem, aí, aqui, há há 02 dias. nasceu em 1992, e se ainda sei fazer contas ele fez - tem 24 anos. MEUS PARABÉNS, PAPAI BRUNÃO E MAMÃE JULIANA.

    fiquei imaginando voce, qdo criança dando lustro nas maçãs, as tais encantadas e mágicas. a inocência é uma atitude e um período etário maravilhoso e k não volta, infelizmente.

    os excertos do livro de Rubem Alves os li 2 vezes e são tão filosóficos, naturais e saborosos. e o valor que ele dá as maças... nos envolve, do princípio ao fim, com aquela mente inteligente k a maçã, o bocado de maçã que eu como, você nunca comerá, tal como eu-ele não comerei a k voce está comendo. que jogo fantástico de palavras, mas todas bem aplicadas e com intenção. Então, Professor que se preze tem de fazer de suas aulas, espaço de alegria, racionalidade e entretenimento.

    pois, tu tens toda a razão, querida. Eva e a Branca de Neve ainda não foram compreendidas pela Humanidade, mas o Amor já as entendeu há mto e as desculpou.

    qto a origem do strudel, é interessante saber qual foi, mas há sempre tantas teorias, que o melhor será, pensarmos apenas no seu sabor e nos pratos maravilhosos que com elas confecionas. mas, penso, que elas tem, c acento, sua origem em Itália.

    e agora vou papar mais um pouquinho de strudel e depois vou fazer ó ó.

    bacci, bambinita e também para todos teus pequenos e grandes amores.

    ciao e una buona semana.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Céu! Eu estou bem e você?

      Agora com mais tempo, começo dizendo que gostei de saber da história da avó e tia, gosto de histórias de família. Hoje estou as voltas com histórias de família, lembranças, muitas recordações. Motivo? Falei com primos, tias, pois vamos ter que reformar o túmulo da família, pois!

      O senhor tempo andou nestes últimos dois dias com uma brisa muito refrescante, mas hoje deu de presente o dia para o verão reinar. Mas ele partirá, como dissestes!

      O meu filho fez sim aniversário em abril, isso meso 24 anos, e a Mariana em março, junto com a mamãe Juliana. Obrigado Céu, retribuo os votos com muitos beijos a abraços.

      Eu adorava lustrar maçãs, ainda fiz muito quando adulta, achava muito bonitas brilhantes enfeitando a mesa. Ahhhh a inocência é uma forma de viver o mundo tão feliz, mas não volta mesmo, uma pena.

      Rubens Alves me faz pensar deliciosamente, como dissestes, um belo jogo de palavras, onde reflete bem que o que vale a pena é o sentir, livre de julgamento, limpo, único. Cada um com a sua vivência. Super!!!

      Nem imaginas quantas histórias encontrei no google sobre o strudel, muitas! Cada um tem uma ahaha. Mas gostei de ler, não todas, eram muitas.

      Um beijo querida Céu, um abraço e o desejo que uma ótima semana, esperando que estejas melhorando a cada dia.

      Excluir
    2. vim quase voando, querida Glorinha, mas cheguei bem e depressa. Um lindo e amável beija-flor me transportou, condignamente, me protegendo das correntes marítimas, oceânicas, melhor dizendo, dos ventos contrários, de toda e qualquer intempérie e veja voce bem k ele até me beijou. descarado, entre aspas, sim, ele tocou meus lábios, pipiando, ousando, como se eu fora uma flor. bem, vamos voltar ao real, pke a vida não é só poesia, mas sem ela, a vida não tem cor nem sabor.

      fico feliz por estares bem. eu, vou seguindo a ordem natural dessas coisas, dessas maleitas. na frente vai o tempo, o senhor tempo, e eu dele sou aluna bem disciplinada e mandada, p enqto.

      tenho licenciatura e mestrado em História, e portanto só posso compreender o presente se for ao passado, embora este não possa dominar, determinar, nem influenciar meu presente. não vivo do passado, nem para o passado, mas ele me serve de referência. creio k me entendeste.

      ora, senta aqui no sofá mágico, junto de mim, assim e vamos conversar. Minha família materna era média, em nº de elementos, e a paterna era mto pequena.
      Por falares em reformar o túmulo da família, tenho de te dizer, k só eu é k me preocupo com essa questão. meus primos e primas que são para aí uns 10 ou 12, nem colocam uma flor nos finados e nem visitam nossos mortos, escusado será dizer. todas as sepulturas de minha família estão a meu cargo e eu vivo a 200 Km do cemitério, enqto outros-2, vivem a 10/15 km. enfim, há atitudes e pessoas k não entendo.

      Bruno é de Abril e Mariana e Juliana em Março, mês da primavera, cá e do outono, aí. eu sei k tu és diferente de mta gente, de mtos brasileiros e isso se nota em tantas coisas. foste mãe mais tarde do k é costume no teu país, tens um nome lindo e normal e colocaste a teu filho um nome mto atual, normal e europeu. tua neta, igualmente. há imensas Marianas na Europa, atualmente.

      eu gosto do sentido do asseio, do bom cheiro e do brilho k a casa possa apresentar. ponho lixívia, em tudo qto é sítio, abro as janelas para renovar o ar, bastante tempo e adoro fazer limpezas e arrumações. sou virginiana e está explicado o meu procedimento.

      há escritores brasileiros k sabem mesmo escrever. usam a imaginação e nos fazem entrar no mundo k só eles sabem criar com as palavras. Estou pensando em Lispector, Drummond e Vinícius, p exemplo.

      imagino k mtas, mas todas diferentes e apelativas. tenho k te confessar k não gosto, nem sei cozinhar, minha querida amiga e k não foi, não é nem será pelo estomago k conquistei, conquisto ou conquistarei um homem. Faço o básico, mesmo o básico, embora eu saiba da importância da alimentação na nossa saúde e do prazer k uma refeição em família ou entre amigos, que demore 2-3h, possa ter. gosto de jantares românticos, onde quase não se come, mas tb não estamos ali para comer. estamos ali pela pessoa k está na nossa frente e pelo ambiente criado.

      bem, agora vamos fazer um chazinho para as duas e comer uns biscoitinhos sem glúten, nem lactose. preparada, p de interrogação

      beijos e abraços para ti, noites luminosas e dias de brilhante e luzidia tranquilidade.

      Excluir
    3. Céu estava a te esperar, pois até lavei a mesa com água de lavanda, arrumei as almofadas do sofá mágico e fiz biscoitos, mas os meus tem glúten e são amanteigados. Caso você não possa ingerir glúten, eu pego a varinha mágica e transformo todos os biscoitinhos em guloseimas sem glúten. depois me conte o que deseja beber, mas antes ... que descarado o beija-flor, embora a descaração, muitas vezes pode ser uma virtude, sem for assim elegante, isso sim! Descaração elegante, muito bem pausada, lacunas onde o olhar da dama deve ser observado. Gostei deste beija-flor, ele é convidado para comer biscoitos conosco, se você quiser e concordar.

      Quando as visitas ao passado, sem que ele seja determinante, eu entendi perfeitamente, pois acontece assim também comigo. Faço muitas visitas lá no passado, gosto! Eu fiz Comunicação Social, me formei em 1986.

      Na família do meu filho são todos arianos e eu sou canceriana, com ascendente em aquário. Tenho e tive muitos amigos virginianos, especialmente no trabalho. Dou-me muito bem.

      Reconheço que sou um pouco chata com a arrumação e limpeza da casa e já fui pior. Mas o que fazer se gosto de tudo ajeitado, perfumado e limpo? Mas hoje estou melhor neste quesito.

      Sim, sou diferente do jeitinho brasileiro Céu, até no comer, na forma de entender o alimento. Um dia falaremos com mais profundidade sobre este tema.

      Gosto imensamente de Clarisse Lispector e sabe que tenho afinidade com Florbela Espanca?

      Ahhh jantares românticos são deliciosos, onde mais se conversa e brinda do que se come, claro!

      Beijocas de além mar ...

      Excluir
  16. Nos desejos de que tudo vá bem
    uma feliz semana desejo eu de aqui dos Calhaus da Covilhã

    que no que vejo de aí
    esses vossos Deputados
    ao olhar
    mais parece Marketing de um produto a comprar
    na Televisão...
    É pouco digno, e o Povo Brasileiro
    vai pagar toda essa euforia, na carteira da Economia.

    Peço desculpa por este desabafo
    que das ilações fiquei até às 2 horas da manhã
    a ver o Pagode vigente desse Brasil que deveria ser
    um Paraiso de viver...

    ~_``````


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. João, olá, com vai, tudo bem?

      Nem imaginas o show de horror que foi neste domingo passado, que pelo que entendi, você assistiu aí do teu paraíso, a Covilhã. Um filme de terror. Uma verdadeira vergonha, mas o pior, é que o show vai continuar. E assim ficamos, decididamente, desgovernados.

      Eu te desejo uma ótima semana e continuo a espera do voo das andorinhas, a seu tempo caro amigo, sem pressa. O céu e as andorinhas, me fazem sonhar. Beijinhos.

      Excluir
    2. Não sei se o que disse ficou registadao
      mas aqui fica
      o comungar da essência dos dias de aí e por aqui.

      Andorinhas
      é que é impossível de tanto chover e frio
      que faz por cá...

      Beijinhos de aqui ~_````````

      Excluir
    3. Claro João, esqueci-me completamente do frio ... as andorinhas estão quentinhas nos ninhos, certamente.
      Em tempo apropriado e se for de sua vontade, que as andorinhas voem em sua câmera.
      Beijos.

      Excluir
  17. ah, e a propósito da votação no domingo no teu país - que vergonha - achei ridículo qdo eles diziam - pela minha esposa, pelos meus filhos, x e y, pela minha cunhada, pelo gato, papagaio, cão e peixinho, isto estou eu acrescentando, digo sim ou não, conforme. não tem, c acento, nenhum sentido de estado. todo o mundo de pé. que confusão... parecia uma feira, ou melhor, um carnaval 2.

    um brasileiro me contou uma piada, k não sei se voce conhece. então, é assim. qdo Deus estava fazendo o mundo, colocou no Brasil paisagens únicas e riquezas naturais excelentes. então, satanás vendo isso lhe perguntou - mas voce está colocando aqui tudo do bom e do melhor e está esquecendo os outros lugares, p de interrogação resposta de Deus - voce vai ver o povo k eu vou colocar aqui.

    beijos, bambinita.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Foi de fato um show de horror, uma verdadeira vergonha, uma comédia de mal gosto. Estamos desgovernados, sem saber o que será do futuro ou do dia de amanhã.

      Conheço esta piada ahahahha, mais beijos Céu.

      Excluir
  18. Passando por aqui, Gloria, me desculpando com a minha ausência... mas estive hoje a acabar de abordar um assunto meio chato, que havia deixado a meio, por estes dias, no meu último post... algo que me tem tirado do sério, e que resolvi expor, para ver se determinada pessoa, se toca...
    Terminada a tarefa... estarei por aqui, amanhã sem falta, dando atenção ao seu, e a outros blogs, devidamente, que por estes dias têm andado em stand by, da minha parte, em termos da minha visita e comentários, também por conta de outros afazeres, que me têm afastado da blogosfera, por estes dias...
    Um beijinho grande! Até amanhã!
    Ana

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ana, espero que tudo corra conforme seu contentamento com a tal pessoa que não se toca ... é assim, algumas situações são mesmo chatas. Tenho concluído que o mundo virtual é igual ao mundo real, com alegrias e descontentamento. E assim, temos algumas vezes que tomar atitudes.

      Fique tranquila, apareça quando for o melhor momento, estarei sempre aqui para recebê-la. Beijinhos querida!

      Excluir
  19. Finalmente hoje consegui, passar por aqui, Gloria, e apreciar cada palavra nesta delícia de postagem, Gloria!...
    Mais uma vez, me deliciei com as fotos da sua encantadora família... e a sua netinha é um encanto mesmo... vê-se que é uma criança feliz... que dá gosto ver... com um sorriso de derreter corações, mesmo!... E eu acho, que ela puxou muitos traços seus, no rosto e no olhar...
    E dois aninhos é mesmo uma idade encantadora... Muitos parabéns, Gloria! Sua família, é mesmo um encanto!
    Quanto à restante postagem... uma maravilha!!!!! Recheada com algumas recordações pessoais... boa leitura... e uma deliciosa receita... numa dosagem perfeita... bem amassada com amor, talento e carinho... produzindo algo de uma doçura admirável... como sempre encontro por aqui...
    É sempre um prazer imenso, apreciar cada um dos seus admiráveis posts, Gloria!...
    Pois por aí, o calor insiste em ficar... aqui temos a situação inversa... um Inverno que insiste em não nos abandonar... já um mês depois da Primavera ter começado...
    Terei alguns dias mais ocupados, pela frente... mas mesmo não publicando, para já... irei visitando os blogues na medida das minha disponibilidade... alguns assuntos a tratar... exames médicos e consultas da minha mãe, em que a costumo acompanhar... e preciso mesmo de dar um jeito aqui na minha cozinha... após um Inverno bem húmido... tudo para ir repartindo nos próximos dias... assim que der, estarei de volta... meu próximo post, também será um pouco longo, pois irei "dardear" muita gente... e tendo imensos links, demorarei um pouco a fazê-lo, no meio dos demais afazeres, por estes dias...
    Tudo de bom! E desejando a continuação de uma feliz semana, deixo um montão de beijos, para você, Gloria!...
    Ana

    ResponderExcluir
  20. Ana, que prazer falar com você, sente e vamos ao café, que já perfuma a cozinha.

    Gostaste de ver a minha netinha? Hoje ela esteve aqui em casa, almoçamos todos juntos, papai e mamãe, meu marido. Momentos de alegria, inocência e pulinhos de quem é muito sapeca. Muitos acham a Mariana parecida comigo, mas ela é a carinha da mamãe. Mas mesmo assim, eu fiquei uma nonna corujona e feliz, por achares ela parecida comigo.

    Gosto quando ficas feliz pelas minhas postagens, pela maneira como incluo as histórias nas receitas, doces ou salgadas ou nos simples momentos meus, que aqui registro.

    Aqui está muito calor e não acaba nunca, já estou cansada, mas resolvi parar de me queixar, logo passará. E o outono finalmente chegará.

    Espero que tudo corra bem com a sua mãe, com você e marido. Que tudo seja bem resolvido com seus afazeres, desejo um ótimo final de semana, com mais beijos abraços.

    ResponderExcluir
  21. Antes de mais, parabéns, Glória avózinha. Todos óptimos, porém. a criança suplanta todos.
    Quanto ao Strudel... acho que vou pedir a alguém cá de casa que meta mãos à obra. Tem um aspecto sedutor.
    Bj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agostinho olá amigo. É verdade, uma criança sempre ganha atenção em primeiro plano.
      O strudel é uma delícia, sei que bem sabes. Adoro com café.
      Um beijo e até mais.

      Excluir
  22. Boa Tardinha, querida Maria da Glória!
    Estou por auqi em seu blog a me deliciar com tanta gostosura... Farei um exame amanhã e estou um pouco light hoje... rs.. ainda bem! Caso contrário, iria pra cozinha engordar um pouco... kkk
    Estou vendo também a delicadeza que tem ao passar em nosos blogs e ao postar no seu... que lindo!
    Obrigada pelo seu carinho constante em me visitar...
    Fui à Cidade Imeprial e comi essa delícia que nos apresenta bem como o de nozes e de damasco que também gosto demais...
    Bjm muito fraterno

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De damasco é mesmo a minha preferência, fruta que eu gosto muito.

      Tenho imenso prazer em visitar os amigos e gosto do conteúdo que publicam, que compartilham. Gosto também de ver fotos, como as suas de viagens. Viajo junto com você Roselia.

      Não conheço a Cidade Imperial, vou pesquisar para saber mais.

      Eu que agradeço a sua visita querida, um beijinho e bom exame.

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...